terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Racionais e Pink Floyd Cores e Valores The Endless River

Dois discos aguardadíssimos.




Depois de 20 anos de Division Bell,o Pink Floyd lança The Endless River.
Racionais lança Cores e Valores depois de 12 anos de espera.
Ambos tem músicas requentadas e sobras de estúdio.
O disco do Racionais foi criticado pela ausência de faixas longas,crítica comum direcionada à banda britânica por quem odeia o Pink Floyd.
O disco do Pink Floyd é quase todo instrumental, apenas uma faixa tem vocais,“Louder Than Words”. O disco trata da comunicação entre as pessoas, como o seu antecessor,Division Bell. O disco dos Racionais talvez seja o mais conciso, metafórico, onde o uso da poesia é quase simbolista,entremeado por alusões à cores,simbolizando diversas emoções,sendo esse o título, Cores e Valores.  
No disco Dark Side of the Moon, uma das maiores obras-primas da história da música, há Money e Us and Then.

Carro novo, caviar, quatro estrelas, sonhar acordado (Money)

Cordão Que agride 
Os pano De grife 
Mansão De elite 
Pra nós não tem limite
(Eu Compro)

Preto e azul
E quem sabe qual é qual, e quem é quem. (Us and Them)

Bens materiais não pagam seu beijo em cores reais não roda amor eu vejo. Viajo no verde um degrade do céu (Cores e Valores)

O disco do Pink Floyd é uma viagem no tempo, em toda a história do grupo, é para ser ouvido sem o peso da história que o nome carrega, assim como o disco dos Racionais.
Os dois grupos eram relegados ao Underground no começo de carreira e depois alcançaram um grande número de fãs, sendo que alguns permaneceram com a idéia de que o grupo perdeu a essência com o passar do tempo e as concessões feitas.
No início, era algo improvável um branco gostar de Racionais, hoje em dia todos as esferas da população ouvem, sendo até citados por políticos. 
E o Pink Floyd sempre foi considerado um grupo amado pela elite,por uma parcela da população mais abastada.
O nome do grupo é uma homenagem aos blueseiros Pink Anderson e Floyd Council,dois negros. A origem do som é negra, assim como o Racionais, que se origina do nome do disco Racional do Tim Maia,onde eles só usavam branco,(Cores e Valores) um disco que trazia discursos malucos de uma seita maluca que daria inveja em Syd Barret. Tim Maia, um músico negro , que adorava a música soul americana e fumava muita maconha, droga preferida para ouvir quem? Pink Floyd. 
O grupo Racionais é atacado por uma parcela por ser ativista e simpatizante do Partido dos Trabalhadores, o pai e a mãe de Roger Waters eram comunistas declarados e participativos.
Eu consigo imaginar Mano Brown sentado em uma poltrona, baseado aceso, ouvindo Dark Side of the Moon na vitrola. E David Gilmour ouvindo um rap confortavelmente em seu barco.

Nenhum comentário:

Pessoas que aportaram por aqui: